pt | es | en

Docomomo [Edição 03]

Um projeto de 1961 do arquiteto Delfim Amorim

Glauco Campello

Resumo


O projeto de um pavilhão para a Faculdade de Ar- quitetura, em Recife, foi produzido no ambiente de estudos e discussões da equipe que sob o comando de seu titular, o professor Delfim Amorim, compu- nha a Cadeira de Pequenas Composições. Consta- va, muito singelamente, de um pavilhão para abri- gar salas de aula, como parte de um esforço para ampliação da Faculdade de Arquitetura, instalada provisoriamente em antiga casa de residência na Av. Conde da Boa Vista. Ao descrever o projeto procu- rei situá-lo no quadro das obras de Amorim realiza- das no Recife, onde ele se tornou um dos grandes nomes da arquitetura do modernismo brasileiro no Nordeste, e, como é fácil perceber, seu papel nesse contexto, já nos anos 50 e 60 do século passado, podia ser comparado ao de Luiz Nunes, na década de 30, por terem utilizado no ambiente nordestino os princípios da arquitetura moderna do século XX, em sua matriz europeia, corbusiana, e, nessa cida- de, terem os dois buscado a sua contextualização, quase refundando esses princípios em termos locais inconfundíveis. Busquei compreender por quê esse arquiteto nascido em Portugal e vindo para cá, tra- zendo na bagagem uma cultura humanista de corte europeu, integrou-se completamente ao movimento da nossa arquitetura. 


Texto completo

PDF PDF

desenvolvido por